Modo de actuação
A vitamina B6 é um factor necessário no metabolismo das proteínas e, por conseguinte, no geral das células. Considera-se  geralmente, como reguladora do metabolismo dos tecidos hepáticos, do sistema nervoso e da pele.
Para muitos animais microscópicos, bactérias e leveduras, actua como factor de crescimento e nos ratos,  como factor que impede as inflamações cutâneas.

Fontes naturais
Leveduras, cereais, legumes verdes, leite, gema de ovo.

Necessidades diárias no homem
Ainda não suficientemente conhecido; aproximadamente, 2-4 mg; U.I ainda sem determinar.

Fenómenos produzidos pela falta de vitamina
Ao passo que nos animais se conhecem características de carência (sintomas cutâneos nos ratos, cerebrais, nervosos e de anemia em cães e macacos), não se conhecem sintomas específicos, até hoje, no organismo humano. Mas a observação clínica verificou efeitos curativos em diversas enfermidades nervosas e, sobretudo, nos vómitos, durante a gravidez. A vitamina B6 é também um factor de cura da pelagra (veja-se também o factor PP).

Doenças que o emprego da vitamina cura e melhora

1. Os   sintomas  secundários  da   pelagra  e o béri-béri, como esgotamento, fadiga, nervosismo, irritação, cãibras de estômago, debilidade e rigidez muscular (quase sempre de combinação com a falta dos demais factores do grupo B).
2. Graves doenças nervosas orgânicas.
3. Vómitos durante a gravidez.
4. Lesões pelos raios X.

Comentários