Groselhas Espim

Groselhas Espim

A groselheira espim (Ribes grossularia) pertence à família das Saxifragáceas. Há uma grande variedade com diferentes nomes, conforme as regiões. A groselheira espim cultivada que conhecemos começou a sê-lo nos fins do século 16. Há hoje muitas variedades, conforme a cor (vermelha, amarela, verde, branca) e a superfície (lisa, lanosa, espinhosa). Aplicações terapêuticas Diz-se muitas vezes que a groselha espim só se deve comer cozida. Esta suposição deriva das más consequências de se consumirem grandes quantidades de bagas cruas, sem estarem maduras. O fruto maduro não só é totalmente inócuo, como também é de sabor refrescante e de alto valor medicinal. O conteúdo considerável de celulose de combinação com a.

É imprescindível o regime individual

É imprescindível o regime individual

Do complicado curso da doença e da diversidade das suas manifestações deduz-se que não se pode aconselhar um tratamento uniforme e sistemático, mas que tem de ser estudado cuidadosamente pelo médico para cada caso. Isto diz respeito especialmente ao regime, que deve, o mais das vezes, ser variado, mantendo-se sempre o propósito de reduzir ao máximo o consumo de hidrocarbanatos. Para isso são de recomendar dias de salada, frutas e legumes, dias de legumes e ovo, dias de aveia, fruta e arroz, dias de soro de manteiga, dias de leite integral, dias de jejum e dias de batata. As mudanças destes dias de regime, assim como a ordem para as.

Regime adequado para perder peso

Regime adequado para perder peso

Pode recomendar-se o plano seguinte: Principio dietético: procurar uma oscilação deficitária de energia, isto é, aumentar o desgaste e restringir as assimilações. A nutrição deve ser deficiente, não cobrindo o desgaste do corpo. Continuar na subalimentação até se conseguir a perda de peso conveniente. As quantidades mais reduzidas de alimentos consumidos podem lentamente converter-se em costume. 1. Não tomar diariamente mais de 20 g de gordura (incluindo a da preparação dos alimentos), Falando de gordura, apenas nos referimos à manteiga e ao azeite batido a frio. 2. Beber pouco, Ou então meio litro de leite desnatado, uma chávena de infusão de desjejum. 3. Legumes e fruta, ilimitadamente. 4. Os alimentos.

Ananas

Ananas

Esta fruta de rara estrutura e de maravilhoso aroma procede da América tropical; mas cultiva-se também noutros países de clima tropical ou subtropical. A perene raiz do ananás (Ananas sativa) produz uma roseta que consta de um eixo central com numerosas florinhas isoladas, cujos frutos com as folhas de recobrimento convertidas em ponta e o mesmo eixo constituem a fruta amarela sem semente. Composição Embora se trate de uma fruta cara, a verdade porem é que é importada em grande quantidade. Pode ser considerada como alimento e como remédio. Possui, além disso, uma característica de grande valor em medicina que a distingue das outras frutas. Vejamos, em primeiro lugar, a.

Alcachofras

Alcachofras

Com o nome de alcachofras designam-se as cabecinhas floridas verdes e ainda incompletamente desenvolvidas de uma espécie de cardo (Cynara cardunculus L. ssp. Scolymus), pertencente à família das Compostas, que se cultiva em toda a bacia do Mediterrâneo, mas especialmente na Espanha e na França. Não há dúvida de que os povos do Mediterrâneo já usavam há séculos como alimento esta planta no estado silvestre, devido às suas qualidades nutritivas, às suas brácteas e aos seus receptáculos carnudos. Composição e propriedades Na análise das substâncias que compõem as cabecinhas, encontrou-se inulina, açúcares, tanino e os fermentos inulase, invertase e coalho. Entre as vitaminas encontram-se em 100 g de substancia fresca:.