Alface

Alface

A alface (Lactuca sativa) em todas as suas formas de cultivo pertence à família das Compostas. Emprego como sedativo nervoso A alface tem fama de actuar como sedativo dos nervos e preparar um sono tranquilo. Esta antiquíssima observação torna-se-nos hoje bastante compreensível, pois a análise química dá-nos um elemento activo, semelhante ao ópio, e que portanto actua como sedativo, somnífero e redutor da tosse; além disso, tem efeito sobre as convulsões devido ao seu teor em pequena quantidade de hiosciamina, também já comprovado. A enorme multidão de pessoas superexcitadas e, por conseguinte, também de insones, deviam nem que fosse só por este motivo, incluir obrigatoriamente na refeição da noite a.

Chicória

Chicória

Uma variedade de cultivo da chicória é a branca. É a «Cichorium Intybus L.», frequente no Centro e Sul de Portugal, em campos secos e cultivados, conhecida pelo nome de chicória amarga. É muito amarga, de modo que o mais pertinente é cortar e esvaziar a extremidade do talo, pois é ali que se acumulam principalmente os componentes amargos. É claro que isto só se faz quando se quer prescindir de tais matérias amargas, que são precisamente as que excitam o apetite e aumentam a secreção biliar. A indicação frequente de lavar os talos e tirar-lhes o sabor amargo com água quente pode fazer com que o amargor se torne.

Mastruço

Mastruço

Resta falar do mastruço (Lepidium sativum), membro da família das Crucíferas. A semente germina muito facilmente, inclusive sobre papel mata-borrão, areia húmida ou serradura, desde que tenha humidade suficiente. Como esta delicada planta, com o seu crescimento comparável ao da relva, pode cultivar-se em estufas com muita facilidade, já se pode encontrar à venda logo nos primeiros meses do ano. Pode utilizar-se a planta completa ou o seu suco para a primeira cura vegetal da Primavera, porque o seu teo em vitamina C, clorofila, ferro, arsénico e glicósidos de óleo de mostarda, que também se encontram nos alhos-porros, rábanos vermelhos e na mostarda, faz com que o mastruço seja próprio.

Endívia

Endívia

A endívia (Cichorium endívia), também da família das Compostas, constitui, com as suas folhas grandes densamente frisadas, uma planta para salada nos fins do Outono e Inverno, muito apreciada nestas épocas. A variedade mais frequente de folhas, cuja cor vai do verde ao amarelo, oferece às vezes um leve sabor amargo, que é considerado por muita gente como mais um incentivo. É precisamente este elemento amargo que produz o efeito de aumentar a actividade da vesícula biliar e de actuar como diurético.

Capuchinha

Capuchinha

A capuchinha (Tropaeolum majus) não se deve confundir com o mastruço. Efeito como bactericida Esta planta desenvolve uma considerável actividade bactericida. Ocorre, além disso, o facto de uma substância cuja natureza química desconhecemos desenvolver a sua actividade em forma de gases voláteis, o que apresenta uma grande transcendência prática. Um cientista demonstrou, mediante ensaios próprios, que quando se consome uma salada de capuchinhas, a matéria gasosa antibacteriana ainda se pode localizar na urina, nove horas depois. Novos ensaios mostraram a sua eficácia contra germes de doenças, sobretudo bactérias de pus e intestinais, assim como o tifo. a disenteria, a difteria e a pneumonia. É verdadeiramente impressionante que todos os modernos.