Nozes

nozes 300x300 - Nozes

Entre as plantas que produzem nozes (Juglandáceas) figura a nogueira (Juglans regia), árvore muito conhecida, de 10 a 20 metros de altura, que possui uma casca cinzento-clara que com os anos apresenta grandes rachas.

A nogueira precede da Asia; ainda hoje existem enormes bosques de nogueiras no Himalaia. Pela sua grande capacidade de adaptação e suas poucas exigências quanto ao solo, tem sido introduzida em quase todos os países do mundo.

O seu desenvolvimento é fácil, desde que se escolham para a sementeira variedades autóctones e acreditadas.

Características e emprego como alimento

O valor nutritivo completo supera o da carne de vaca com muita vantagem. 100 quilos de nozes contêm 50 quilos de óleo de noz e 100 g de óleo de noz contêm 50 g de gorduras. Além do seu valor nutritivo, o rico conteúdo em cálcio, fósforo e vitamina B naturais provam a conveniência da noz como alimento ideal para o sistema nervoso.

As antigas teorias científicas do simbolismo viam na parecença externa da noz como que um cérebro humano e, por isso, um indício da sua importância para a cura do cérebro.

Os doentes dos rins podem consumir nozes, dada a sua pobreza em sal.

Para os diabéticos, a noz desempenha um papel análogo ao dos outros frutos da sua espécie. Deve figurar na ementa diária, que ficará assim enriquecida sob muitos aspectos.Os obesos devem evitar comer nozes, por causa do seu elevado valor calórico. Para os mal alimentados e para os convalescentes é de recomendar em quantidades prudentes para enriquecer a alimentação.

Comentários