A importância dos frutos secos

A importância dos frutos secos

Embora, desde há séculos se considerem os cereais como os alimentos vegetais mais importantes e influam por isso consideravelmente na nossa alimentação, há que recordar que anteriormente predominava a alimentação com frutos de árvores e que as nozes e as castanhas também desempenhavam um papel importante. Se são as gramíneas ou as árvores que proporcionam uma nutrição mais valiosa, é coisa que ainda hoje se não pode decidir sob o ponto de vista científico. Os frutos das árvores e entre todos eles os de tipo da noz exercem em todo o caso uma importante função na cozinha vegetariana. São, portanto, muito necessários, uma vez que com os legumes secos constituem.

Castanhas Americanas

Castanhas Americanas

São frutos triangulares de forma ovalada, também chamados castanhas do Maranhão (Bertholletia excelsa). Pertencem à família das Mirtáceas. Estas castanhas têm debaixo da casca dura uma semente parecida com a amêndoa, muito saborosa, e consomem-se quase exclusivamente cruas. São muito ricas em óleo (70 %). O óleo extraído do fruto em boas condições é claro, sem cheiro e de sabor agradável. Os sul-americanos empregam-no frequentemente como azeite de mesa.

Pêssegos

Pêssegos

O pessegueiro (Prunus pérsica) pertence à família das rosáceas e, contra o que poderia facilmente deduzir-se do seu nome latino, a verdade é que não é procedente da Pérsia, mas sim do Norte da China. Composição O conteúdo em princípios nutritivos e calorias dos pêssegos é muito parecido com o dos damascos, conforme se pode apreciar no seguinte quadro comparativo. Conteúdo por 100 gramas de:   VITAMINAS   Proteínas Gorduras Hidratos de carbono Calorias A U.I B1 grama B2 grama C Mg PP Mg Damascos frescos 0.8 0.1 12 50 2000 30 50 8 0.7 Pêssegos frescos 0.7 0.2 12 55 500 30 50 8 0.9 Pêssegos secos 3 0.6.

Tramazeira

Tramazeira

A tramazeira, também conhecida por cornogodinho (Sorbus aucuparia), pertence à família das Rosáceas. Encontra-se na regiões montanhosas de Trás-os-Montes, das Serras do Gerês, da Estrela e de Teixoso, e no distrito de Castelo Branco. Quando as suas bagas estão vermelhas e portanto maduras, cortam-se os cachos em umbela inteiros. Em casa, separam-se as bagas dos seus pedúnculos. Quando não se aproveitam frescas, secam-se durante alguns dias à temperatura ambiental debaixo de telha, submetendo-se depois a calor artificial até ficarem absolutamente secas. O mais prático é guardá-las em sacos, que devem ser vistoriados de tempos a tempos. O cultivo da tramazeira foi aumentando de importância nos últimos anos, sobretudo desde que.

Amêndoas

Amêndoas

Toda a gente conhece o fruto da amêndoa encerrado num caroço, que por sua vez está recoberto de uma pele coriácea e abundantemente pelosa. A amêndoa (Amygdalus communis) é uma árvore parecida com a do pêssego, pertencente à família das Rosáceas, que apresenta a particularidade de florir antes do aparecimento das folhas. No mercado encontram-se diversas classes e variedades de amêndoas: espanholas, italianas, berberes (do Norte da Africa) e alemãs. O seu uso na confeitaria e na pastelaria é considerável, por causa do seu delicado gosto. Tem também importância na alimentação e na medicina, embora se deva ter em conta que temos de eliminar as amêndoas amargas, pelo seu conteúdo.