As bananas, que se tornaram tão populares entre nós, são o fruto da bananeira tropical (Musa paradisíaca) e da sua forma cultivada (Musa sapientium).

A banana é um alimento muito importante nos trópicos e um grande artigo de exportação. Infelizmente, não chegamos a saborear o gosto das bananas amadurecidas em fresco e naturalmente. As de exportação são colhidas verdes, amadurecidas artificialmente nos portos importadores. Mesmo assim, constituem tanto para as pessoas sãs como para as doentes um fruto de qualidade excepcional.

Composição

Ao passo que o conteúdo em hidratos de carbono da batata consiste, exclusivamente, em amido, a banana madura apenas tem frutose e glicose (açúcar invertido) e nenhum amido.

Conteúdo por percentagem:

Proteínas

Hidratos de carbono

Gorduras

Água

Calorias

Batata com casca

1.3

22.8

73.8

100

Batata

1.9

16.4

0.2

79.1

77

Banana

1.8

18.6

0.2

66.5

86

Os seus efeitos, especialmente na alimentação infantil

Parece-nos que está claro o seu variadíssimo aproveitamento dietético, tanto mais quanto a sua digestibilidade é sempre magnífica. Em primeiro lugar, as bananas são um alimento muito apropriado para os meninos pequenos que as comem com gosto pelo seu sabor e perfume. É principalmente agradável pela facilidade em se descascar, oferecendo cm condições higiénicas uma polpa sem pevides nem caroços. Além disso, pode esmagar-se facilmente, e também  passar pelo crivo, ser batida à mão ou pulverizada num misturador eléctrico. Deste modo, o puré de banana é para o menino de peito, entre os sete e os oito meses, um alimento rico. Tal como a maçã crua ralada, também a banana, que possui grande eficácia antidiarreica, se se consumir exclusivamente, pode empregar-se nos meninos pequenos para lhes curar transtornos agudos digestivos, inflamações do intestino grosso e até a celiaquia — uma grave alteração intestinal e alimentar crónica. No esprue, uma doença tropical, que ainda não está suficientemente esclarecida e que ocasionalmente se manifesta entre nós, o melhor e inclusivamente o remédio mais seguro é a banana. Os doentes de esprue ficam curados, quase por milagre, mediante um regime exclusivo de bananas. O quadro clínico da celiaquia infantil corresponde nas suas manifestações ao esprue nos adultos.

O regime de bananas modifica não só o desvio ácido do metabolismo, como também e sobretudo faz aumentar simultaneamente as reservas alcalinas necessárias no sangue, o que também se pode conhecer imediatamente da maneira mais simples na modificação da reacção da urina.

Se antigamente era quase impossível salvar a vida a uma criança gravemente enferma de celiaquia, falecendo a maioria com uma complicação infecciosa geral, figura hoje a celiaquia entre as missões mais gratas da pediatria, já que desde o aparecimento do regime de bananas quase sempre se consegue restituir aos pequenitos a saúde e a alegria de viver. A boa digestibilidade, a fácil absorção da sacarose, o abundante conteúdo em vitamina C das bananas cruas e maduras, que facilitam, de combinação com o leite, as proteínas, a gordura, o cálcio e a lactose, transformam-nas num excelente alimento para doentes graves, febris e subalimentados, para as grávidas e lactantes, para os desportistas, operários pesados e para as pessoas idosas com pouco apetite e formação insuficiente de suco gástrico.

 

Comentários